dicas de blog

Vale a pena usar wordads no seu blog?

wordadsvale a pena_

Vale a pena usar o wordads? Para quem não sabe ele é a forma de monetização do WordPress, apesar de ser parecida com o google adsense, elas possuem caracteristicas bem distintas. Essa forma de monetizar os blogs wordpress foi uma mão na roda para muitos blogueiros que queriam ganhar dinheiro com seu blog. Porém nem tudo é o que parece e eu resolvi dar minha opinião.

Vale a pena usar o wordads no seu blog?

Se você um blog com milhares de visualizações mensais com certeza vale a pena utilizar, mas quando eu falo milhares eu não estou falando de 10.000 estou falando de 100.000 ou mais todos os meses. Isso não significa que se você tiver 10.000 ou menos não ganhará nada, o que eu quero dizer é que um blog com 10.000 views mensais obterá ganhos muito pequenos e você só poderá tirar quando esse valor atingir $100, ou seja,  você levará 1 ou mais anos para alcançar esse valor.

Portanto aconselho a aumentar suas visualizações para que você ganhe mais dinheiro com seu blog e aumente a sua receita no worads.

Vantagens:

Diferente do google adsense o  wordads paga pelo paypal o que torna tudo mais fácil e pratico. Assim que completar $100 o dinheiro é transferido para sua conta do paypal. Se falar que você não pagará as taxas absurdas de conversão ao banco.

Desvantagens: 

Os ganhos não são mostrados em tempo real ou seja você nunca saberá quanto está ganhando, eu particularmente acho um absurdo e venho sempre reclamando com o WordPress para que eles melhorem o sistema.

Também não tem data definida, tem mês que podemos ver logo do primeiro ao terceiro dia do mês seguinte, e tem meses que demoram tanto que ficamos aflitos para sabermos quanto conseguimos ganhar. Esse mês mesmo demorou mais de vinte dias para eu saber quanto fiz no mês de março.

Como eu disse os ganhos são muito pouquinhos e variam muito de mês para mês, sempre procuro saber deles o porque dessa inconstância e eles sempre me dizem a mesma coisa, aliás para todo mundo eles dizem que os anunciantes brasileiros pagam bem menos que os internacionais.

Para finalizar…

Como disse vale a pena para quem possui um número alto de visualizações e precisa ter paciência e sempre cobrar melhoras, seria muito mais fácil se tivéssemos um relatório de ganhos detalhado, para percebemos onde estamos acertando ou errando.

 

Anúncios
YouTube

Recebidos e rotina – Um vlog de vários vlogs

IMG_1377

Oi, tem vídeo novo no canal, nesse vídeo eu mostro vários dias da minha semana, sim é um vlog de vários vlogs, comecei a gravar todos os dias e não é que acabou gravando dias demais? Pois é, tem muita coisa legal, tem recebidos, comprinhas, dicas de comidinha fitness. Dai também é cultura KKKK.

Comportamento

O que eu aprendi voltando para casa?

O melhor lugar do mundo é aquele que sempre podemos voltar.

Vocês sabem que eu voltei para casa né? Para quem não sabe há mais ou menos quase 4 anos eu fui estudar em uma Universidade que ficava em uma cidade vizinha da minha cidade (uns 45 minutos de distância). Algumas pessoas podem achar que é maluquice mudar de cidade sendo tão perto, parece perto, mas quando isso é feito durante toda a noite durante 4 anos pode ser bem cansativo. Então eu fui morar sozinha, vou contar tudo desde o inicio.

Tudo começou quando eu passei no vestibular e comecei a faculdade em março de 2014, eu não imaginaria que minha vida poderia mudar tanto. O primeiro semestre eu fazia o percurso de ir e voltar todos os dias de ônibus ( o que totaliza 1h:30m na estrada). Só que eu sempre passei mal em ônibus (fico tonta, sinto enjôo e as vezes até vomito). Aguentei o primeiro semestre, chegava atrasada, dormia a manhã inteira pois já chegava tarde em casa, estudava a tarde e ia para faculdade a noite, o que para muitas pessoas pode ser normal, para mim era um pesadelo.

Então no inicio do segundo semestre eu decidi que tinha que morar nessa cidade e me livrar do martírio de ter que andar de ônibus todos os dias e perder o inicio das aulas mais importantes. Graças a uma colega da faculdade encontrei uma vaga em uma casa e iria dividir com outra menina, no final não deu certo e lá estava eu desesperada em fevereiro procurando kitnet para alugar, estava na hora de morar sozinha.

Morando sozinha…

Enfim consegui uma kitnet bem pertinho da faculdade, um pouco cara (o que fez com que eu arrumasse um estágio para que pudesse ajudar a minha mãe a me manter lá). Foi uma experiência maravilhosa e eu me tornei mais independente do que já era. Lá era sossegada, tive vizinhos legais (com quem eu inclusive dividia a internet), morar sozinha era maravilhoso, mas eu me sentia muito sozinha e acaba sempre vindo finais de semana para casa. Mas eu fiquei lá por um tempo, sair de um estágio, entrei em outro e por aí foi.

Voltando para casa…

Nunca imaginei que eu voltaria para casa, sério. Eu sempre achei que ia me formar, arrumar um bom emprego, comprar um casa (na minha cidade ou em outra), mas a vida é cheia de surpresas, eu estava muito estressada e solitária, para acabar de completar ia começar o TCC no último semestre e eu não aguentava mais ficar no estágio, por mais que a minha mãe falasse que daria para eu continuar morando lá que ela daria um jeito nas contas, eu não teria e não conseguiria conciliar o tcc com o fato de morar sozinha, sinceramente cuidar de casa, fazer comida e escrever um TCC seria a causa de mais um problema de saúde, o qual eu já passei e pretendo não passar mais (gastrite nervosa).

Então eu conversei muito com minha mãe e vim embora, voltei para casa, nada aconteceu como o esperado.

voltei para casa

O que eu aprendi voltando para casa: 

  • Que a vida nem sempre é como a gente acha que vai ser;
  • Que é bom ter uma casa para voltar;
  • Que a comida da nossa mãe, será sempre a mais gostosa;
  • Que sua mãe arruma seu quarto e você nunca vai achar nada, mas pelo menos vai sempre estar limpo e arrumando.
  • Que você sempre vai precisar do colo de mãe e é algo maravilhoso;
  • Que quando você precisa de silêncio a casa está cheia;
  • Que é melhor ter amor do que privacidade;
  • Que um dia você também vai querer que seus filhos voltem para casa;
  • Que eu quero muito ter a minha casa.

Então meus amores espero que tenham entendido um pouquinho desse processo, não vejo a hora de me formar, para vlogar tudo para vocês e claro escrever aqui né.

Vida de Blogueira

Você precisa assistir esse vídeo se quiser criar um blog

10 post mais acessados (1)

Eu já postei esse vídeo faz um tempo, mas essa semana alguém comentou e eu resolvi “posta-lo” novamente. Como ser blogueira sendo pobre? Aposto que se você tem vontade de criar um blog, mas não tem dinheiro para investir nesse trabalho, tenho certeza que pesquisou ou até desistiu dessa ideia , simplesmente pelo fato de não ter dinheiro.

Durante toda a minha vida eu busquei o meu lugar no mundo, e nunca imaginei que meu lugar no mundo seria atrás da tela de um computador escrevendo para vocês ou atrás de uma câmera gravando vídeos. Depois de um tempo eu comecei a tentar fazer com que as pessoas soubessem que meu lugar no mundo era esse, mas isso não significa que eu devo estar só nesses lugares, entretanto quero sempre estar neles, mesmo que seja em outra cidade, estado, ou país (os sonhos não tem limites).

O que eu quero dizer é que você pode ser o que você quiser independente da quantidade de dinheiro que possui. Uma blogueira pode começar sem nada e no futuro ter tudo, o que eu sempre penso é que muitas blogueiras famosas e muito ricas hoje, passaram por tudo o que eu passei e passo ainda, porque pode acreditar não é fácil.  O fato de eu não ter dinheiro, ou de ser uma blogueira pobre, muitas vezes me desanimou, mas nunca me fez desistir do que eu quero, do que eu amo.

Assista esse vídeo sempre que se sentir desmotivada:

 

Já parou para pensar que quando você se dedica e esforça tudo acontece a seu favor, o universo conspira para tudo dar certo, isso porque ele sabe que uma hora vai dar certo, então larga essa neura de que não dar para ser blogueira sendo pobre e vai produzir conteúdo. No vídeo eu dei dicas de como começar, falei como eu comecei no youtube e como estou sempre tentando melhorar.

Obrigada por sempre me acompanharem aqui, sem vocês eu já teria desistido. Obrigada  por me mandarem e-mail, mensagem no facebok, direct do Instagram, eu fico muito feliz e eu não precisei de dinheiro para chegar até vocês. Dar para ser blogueira sendo pobre sim, ainda não cheguei onde quero, mas garanto que cada demonstração de conhecimento de vocês, me fazem correr atrás dos meus sonhos.

XOXO -_-