Borboletas no estômago: um sintoma de paixão

large

Borboletas no estômago é um clichê usado pelas almas apaixonadas, quem já se apaixonou sentiu a sensação de ter borboletas voando no seu estomago. Não sei quem inventou o nome borboletas no estômago, certamente foi um louco apaixonado, é normal sentir isso durantes os primeiros estágios da paixão.

O que é realmente paixão? Será que é apenas sentir sensação estranhas no estômago, será que é perder a fome? Quando se está apaixonado a pessoa a quem amamos se torna alguém a qual não podemos viver sem. Muitas pessoas vivem a vida inteira procurando esse alguém, e muitas delas não chegam a encontrar esse alguém.

Costumamos dizer que paixão é coisa passageira, que só o amor é eterno, mas acredito que paixão faz o amor nascer mais forte, faz florescer de forma mais rápida um sentimento que estava adormecido.

Existe paixões passageiras, aquelas que fazem o estômago virar casas de borboletas, aquelas que nos fazem perder o sentido e depois acabam. Mas existem paixões eternas, a qual faz com desejemos passar o resto da vida ao lado do causador desses sintomas.

É possível se apaixonar várias vezes, já vi pessoas próximas se apaixonar avassaladoramente por pessoas diferentes em tempos diferentes, mas a melhor paixão é aquela que vem com amor, chega devagar, ocupa o seu lugar e serve para acalmar. As borboletas não apenas voam, e sim dançam e te fazem flutuar.

Há quem diga que pessoas racionais não acreditam em amor, paixão, e também quem diga que elas não possuem nem coração.  O coração de uma pessoa racional é tão quente quanto o de alguém  sentimental, mas as pessoas racionais preferem manter as emoções um pouco mais calmas para que as borboletas continuem dançando no estômago, ao invés de voarem para fora dele, fazendo com que tudo se acabe.

Você já se apaixonou?

 

 

Anúncios