Dica do dia

Qual o peso da mordida de um pitbull? 

Já diz o dito popular: o cachorro é o melhor amigo do homem. Isso porque o cachorro é um dos animais de estimação mais dóceis e leais. Acredita-se que o cão tenha sido o primeiro animal a ser domesticado. 

Atualmente, há mais de 300 raças de cães catalogadas oficialmente. Uma delas é o Pit Bull. 

Muitas pessoas têm medo deles devido a existência de muitas histórias de ataques por parte desses bichinhos. Mas será que eles são extremamente violentos? E a sua mordida, será que realmente é tão destruidora assim? Isso é o que será analisado neste artigo. Confira! 

Quem é o Pit Bull? 

O Pit Bull é na verdade o American Pit Bull Terrier.  É uma raça que nasceu na Inglaterra no início do século XIX. Depois essa raça foi levada para o EUA e então aperfeiçoada, por isso o nome American Pit Bull Terrier. 

O Pit Bull nasceu do cruzamento de duas outras raças, o antigo Terrier inglês e o Bulldog. 

Eles foram desenvolvidos para prática cruel conhecida como “isca de urso”. Cães eram postos para brigar com os ursos e assim divertir o público que assistia. Com o passar dos anos, essa prática foi proibida pelo governo, mas então indivíduos cruéis começaram a organizar a briga entre os cães, chamada “rinha de cães”. 

Mas a grande verdade é que esses animais são extremamente inteligentes, leais e muito carinhosos. Mas por muitos anos e até hoje, as pessoas os veem como cães agressivos e cruéis. Porém, muito pelo contrário, ele é dócil, inclusive com as crianças. 

O que acontece é que assim como qualquer outro cão, a influência de seus donos e do ambiente podem favorecer o comportamento mais agressivo desses cães.  

O tamanho de um Pit Bull de porte médio varia de 13 kg a 40 kg.  Eles são bem fortes e musculosos. Dentro de sua categoria é possível considerá-lo como um dos mais fortes. Muitas vezes são criados para proteção de gado. Possuem muita energia e muita força. 

Mas o Pit Bull é um cão muito divertido e brincalhão e gosta de se divertir com as crianças. Eles não nascem agressivos e rudes, mas sim doces, bem comportados e respeitosos com seus donos.  Por este motivo, aumentou a  venda de filhotes de pitbull pelo Brasil inteiro.

O que vai influenciar nesta natureza é o treinamento recebido. Se eles não forem expostos à socialização corretamente, poderão sim manifestar um súbito comportamento agressivo de sua natureza. Eles necessitam de treinamento e exercícios regularmente. Se eles se sentirem muito entediados, podem apresentar um comportamento destrutivo. 

Quanto pesa a mordida do Pitbull? 

A mordida é medida em quilograma-força por centímetro quadrado, que é a unidade usada para medir força ou peso. 

A força da mordida do Pitbull é realmente algo incrível, mas engana-se quem acredita que seja a mordida mais forte. 

A mordida do Pitbull está em torno de 235 PSI (libra por polegada quadrada). Isso equivale a 16,52 kgf/cm² (quilograma-força por centímetro quadrado).  

Enquanto isso, a mordida do Rottweiller possui cerca de 325 PSI (22,85 kgf/cm²). Mas o cão com a mordida mais forte é o Kangal, com 743 PSI (52,24 kgf/cm²), um cão turco, forte e usado como protetor de ovelhas. 

Muito se diz que as mandíbulas dos cães Pit Bulls possuem capacidade de travamento e não largam a vítima. Mas isso não é verdade, eles apenas possuem a região da mandíbula muito forte e com a musculatura muito bem desenvolvida. Por isso quando elas agarram o alvo é difícil soltar.  

Como os Pit Bulls nasceram da cruza dos Terriers, eles também possuem o hábito de sacudir a presa. Enquanto outras raças soltam e mordem de novo. 

Apesar de não ter a mordida mais forte, o que faz com que as pessoas considerem o Pitbull forte numa briga é sua capacidade de entrar nelas sem se preocupar com as possíveis consequências. Naturalmente, os animais, independentes de tamanho e força possuem um instinto de preservação que os fazem parar. Mas isso não acontece com o Pit Bull. 

Assim como tantas outras raças de cães, os Pit Bulls não agem traiçoeiramente, eles avisam quando vão atacar. Geralmente por latidos ou também rosnando. Poderia até ser confundido com uma brincadeira, só que neste caso a sequência desse comportamento vai crescendo e se tornando mais forte até que ocorre o ataque. 

Os cães Pit Bulls possuem sentimentos sim, porém eles têm muita capacidade de bloquear caso estejam com algum foco, no caso, atacar alguma coisa. Além disso, por terem participado muitos anos de rinhas, eles desenvolveram uma alta capacidade de suportar dores. 

Infelizmente, a falta de informação faz com que existam leis contra estes animais e eles sejam demonizados até hoje. Deveria ser realizados estudos para que possam encontrar possibilidades de punir os proprietários que incentivem esse tipo de comportamento. 

Categorias:Dica do dia

Deixe uma resposta