Publicidade - OTZAds

Brincadeiras de “amigo secreto” viraram tradição nas festas de final de ano, mas você conhece suas variações?

Saiba como surgiu e outras formas inovadoras de jogar e presentear amigos e familiares!

brincadeiras de amigo secreto
Créditos: iStock

A brincadeira de “amigo secreto” já faz parte da tradição brasileira de presentear amigos, colegas de trabalho e parentes durante as épocas festivas. Ninguém sabe ao certo como ela surgiu; alguns estudiosos apontam para a Grécia Antiga, outros já dizem que é um costume nórdico para celebrar o pacto com os deuses. 

<
Publicidade - OTZAds

No entanto, a forma como conhecemos surgiu durante a crise financeira de 1929: os operários das fábricas dos Estados Unidos tinham o costume de trocar presentes nas festividades de final de ano, porém, com a crise, esse costume se tornou muito caro, e decidiram que cada um daria apenas um presente para um colega aleatório que seria sorteado secretamente; daí que surgiu o nome “Secret Santa” (Papai Noel Secreto, em tradução livre). Desde então, esse costume se espalhou pelo mundo e se enraizou no Brasil.

Mas, como os brasileiros são conhecidos pelo gênio criativo, não demorou muito para surgirem outras variações da celebração. Conheça algumas dessas formas e se inspire para adotar nas festividades de final de ano.

Amigo ao contrário

Essa variante do amigo secreto é jogada da seguinte forma: todos sorteiam seus respectivos pares para presentear. Porém, ao invés de o amigo secreto dar dicas para que as outras pessoas adivinhem quem ele tirou, a pessoa que foi sorteada terá a tarefa de descobrir quem é o seu amigo secreto. 

Para isso, essa pessoa fecha os olhos e seu amigo secreto se identifica de forma silenciosa para os outros participantes. A pessoa presenteada vai dispor de uma quantidade limitada de perguntas para descobrir quem é o amigo – caso não descubra, deverá pagar uma prenda estabelecida anteriormente.

Amigo ladrão

O amigo ladrão é caótico. Todos compram coisas que gostariam de receber e devem embrulhar cada presente de modo a disfarçar o seu conteúdo, e os amigos se reúnem e posicionam os presentes no centro da roda. 

Publicidade - OTZAds

Cada amigo recebe um número e, em ordem crescente, cada um escolhe pegar um presente do centro da mesa ou roubar o presente de alguém que já escolheu; quando todos estiverem com um presente em mãos, é hora de desempacotar e descobrir o que recebeu.

Amigo da onça

Essa versão é clássica entre grupo de amigos que são mais íntimos. O amigo da onça funciona exatamente do mesmo jeito que sua versão “amigável”, porém a tarefa é comprar um presente que o amigo não irá gostar, ou que seja um artigo engraçado. Claro que para brincar nessa versão todos tem que estar de acordo, assim ninguém ficará chateado.

Amigo temático

Outra forma bem fácil de inovar é estipular um tema para os presentes. Pode ser apenas artigos de maquiagem, somente chinelos, chocolate, livros, etc… Para grupos que possuem um hobby em comum, também é possível integrar na brincadeira ao escolher temas como apenas bonecos de ação ou somente revistas em quadrinhos. 

As possibilidades são infinitas, e só dependem da criatividade do grupo para escolher um tema e um valor-limite para cada presente.

Publicidade - OTZAds

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: