E foi em meio a tudo isso que eu me apaixonei

 

E por mais que eu me pergunte o motivo de te amar, ainda não consigo entender, antes me sentia só até você aparecer e bagunçar a minha vida, de um jeito bom e de um jeito ruim, você despertou em mim inúmeras sensações as qual desconhecia, e por um momento não sabia quem eu era. Dizem que se apaixonar é sentir borboletas no estômago, mas acho que já passamos dessa fase, então me diz o porque de eu continuar sentindo esse monte de borboletas depois de tanto tempo.

O mundo parecia só existir nós dois, mas uma hora a gente se dar conta que tem que viver outras coisas e experiencias, mas o ruim é que por mais que eu tento, você ainda continua sendo o centro dos meus pensamentos. Ah o amor te pega de jeito e em meio a uma guerra você se apaixona e fica confuso, sem saber para onde ir, sem saber o que fazer. Gera medos, ansiedade, vontade de ficar perto o tempo inteiro.

Em meio a tempestades e você continua venerando alguém, machucando ou não você continua pensando que tudo pode ser como em um conto de fadas aí você lembra que na vida real não existe o felizes para sempre, mas você continua tentando porque o amor supera tudo, e as vezes esse esforço tem resultados. O amor é tão complicado que vem como um furacão leva tudo e deixa uma confusão.

Anúncios

1 comentário »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s