Publicidade - OTZAds

Curiosidades sobre a bichectomia, quais os prós e contras

Existem procedimentos cirúrgicos dentro da odontologia que podem mudar significativamente a aparência do rosto. Neste artigo, serão colocadas algumas curiosidades sobre a bichectomia, que tem sido tão procurada nos consultórios odontológicos.

A bichectomia se trata de uma cirurgia plástica que retira totalmente ou parte das duas bolsas de gordura presentes em cada lado da boca, também chamadas de “bolas de bichat”.

<
Publicidade - OTZAds

Inclusive, essas bolsas presentes nas bochechas podem existir independentemente do peso do corpo.

A maioria das pessoas fazem esse procedimento cirúrgico por questão estética, mas ele também serve para quem morde frequentemente o canto da boca devido ao excesso de carne.

O interessante da bichectomia é que ela pode ser feita tanto por um médico especializado quanto por um odontologista.

Portanto, caso alguém tenha o benefício do plano odontologico empresarial, ela pode verificar se há a abertura de pagamento e se a cirurgia é contemplada.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), em 2014, foram feitas cerca de dez bichectomias por mês e, em 2015, esse número triplicou.

Hoje em dia esse é um procedimento muito comum e que já tem médias incontáveis de realizações nos consultórios odontológicos.

O valor da bichectomia varia conforme o profissional, o consultório ou o tipo de plano.

Publicidade - OTZAds

Além disso, para quem deseja fazer o procedimento, o plano dental coletivo empresarialou convênios particulares possibilitam que o tratamento seja realizado por um custo reduzido, considerando o valor do procedimento feito de forma individual e a facilidade proporcionada nos planos.

Para além dos convênios empresariais, pessoas que são proprietárias de seu próprio CNPJ também possuem convênios compatíveis com o tamanho do negócio, abrangendo todo tipo de paciente e custo, é o caso do plano odontologico para MEI.

Além disso, é possível recorrer à contratação particular ou coletiva de planos, sem que haja qualquer relação empregatícia ou CNPJ.

Contraindicação

Apesar dos benefícios da bichectomia, que afina o rosto e o deixa mais harmonioso, reduzindo um aspecto mais infantilizado, existe uma contraindicação.

Para as pessoas que já têm as maçãs do rosto bem altas e em evidência não é indicado fazer a cirurgia.

Claro que a decisão terá de passar pelo cirurgião-dentista ou médico especializado, bem como o desejo do paciente. Mas, em um primeiro momento, a recomendação é que essas pessoas não façam bichectomia.

Riscos

Assim como a maioria das cirurgias, a bichectomia traz alguns riscos como inchaço e dores na região das bolas de bichat, mas eles podem ser facilmente revertidos com remédios.

Outros fatores que bichectomia pode ocasionar são:

  • Lesões no nervo facial;
  • Paralisia;
  • Hemorragia;
  • Lesão do ducto parotídeo;
  • Assimetria facial;
  • Infecções.

Esses riscos são de casos extremos em que houve uma má realização do profissional ou não se teve os cuidados devidos posteriormente à cirurgia, porque, de um modo geral, a bichectomia se trata de um procedimento simples.

Por isso, é recomendável verificar a capacitação do profissional particular ou do plano odonto empresarial antes de marcar a cirurgia.

Outro fator para se preocupar é sobre o resultado da mudança da fisionomia com o passar do tempo e a aceitação da imagem pós-procedimento.

Pós-operatório

Assim como todo processo cirúrgico, a bichectomia também exige um repouso na sua recuperação.

Portanto, não se deve fazer exercícios físicos por uma semana e a alimentação deve ser, preferencialmente, em forma líquida ou pastosa para evitar o movimento intenso da mastigação e gerar um fluxo maior de sangue na região.

Outra recomendação importante é sobre a primeira noite de sono após a cirurgia, que se deve dormir deitado com a cabeça levemente levantada, pois isso também evitará inchaços.

Para isso, os profissionais particulares ou de plano odonto empresarialrecomendam que os pacientes tomem anti-inflamatórios e analgésicos para evitar infecções e dores na região.

A recuperação da cirurgia pode levar cerca de um mês e o seu resultado é irreversível.

Com cerca de uma ou duas semanas, o resultado do processo cirúrgico deve aparecer, conforme afirmam os especialistas e profissionais da área.

Uma das grandes vantagens da bichectomia, inclusive, é que ela não deixa nenhuma marca ou cicatriz na área do rosto, deixando o sorriso mais natural.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Ideal Odonto, empresa especializada em planos odontológicos com atendimento acessível para devolver o sorriso dos pacientes.

Publicidade - OTZAds

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: